Natalizando

Natalizando

Estamos com uma situação amenizada da pandemia.

É nítido ver a agonia das pessoas nas ruas. Os carros correm , as pessoas correm, os pedintes chegam.

Uns dizendo que não querem ser controlados, mas, após dois anos complicados e com resultados nas ruas de famintos, só querem sair às ruas, abraçar (se deixarem), conversar (se tiver a caderneta válida) e comprar tudo o que puder.

Escassez pura!

Espiritualidade nula!

Um povo sem a crença no infinito e nas impossibilidades da matéria, não merece a liberdade. Por que só vai se enrolar mais nas cordas do jogo.

ByNelsom Cavalcante

Sou conhecido por Nelsom Cavalcante e nesta missão chamam-me por Neo. O porquê destes nomes te contarei pessoalmente, pois são histórias intimas e familiares, e pode ter certeza, contarei muitas de minhas experiências para você.. Minha jornada começa quando ainda criança, percebi que me apeteciam temas diferentes dos normalmente discutidos e interessantes para as crenças de minha família, de meus amigos, de minha idade, da crença do grupo ao qual eu pertencia, Se você tem este diferencial de olhar além, sente-se, também, um excluído de seu sistema. Em geral, os membros do sistema são preguiçosos e estão estagnados quando não estimulados pelas ovelhas desgarradas. Ouça este áudio para compreender melhor sobre o que estou falando, aproveite para se inscrever e divulgar o canal nosso material: https://youtu.be/5sxNRF7ypA0 Falaremos mais sobre sistemas e pertencimento em diversas outras oportunidades. Este tema é essencial para compreensão de minha trajetária e de seu posicionamento sistêmico, para assim, abrir-se a possibilidade de mudança para o equilíbrio em todos os campos de sua vida através da sintonia e harmonia com sua missão. Ao perceber algo que a maioria não vê, surgem duas questões importantes: • ou, somos tratados como loucos ou como muito inteligentes, • ou, ainda, inteligentes que ficaram loucos quando as informações começaram a incomodar seu grupo. Quer entrar em contato comigo e saber mais sobre mim? Utilize o formulário na página de contatos ou o Telegram

Deixe um comentário