A Bateria Humana

A Bateria Humana

Existe um conhecimento básico, que as pessoas, em geral, não tem noção sobre sua existência e de como minimamente funciona.

Toda a energia que necessitamos deve vir de algum lugar. A energia dos alimentos nos sustenta em vida, até o momento em que esta energia não é suficiente para sustentar o corpo físico.

Desconsiderando o desgaste natural de nossa máquina corporal, existe um movimento energético que não percebemos conscientemente, no entanto, ele possui igual importância na manutenção de nossos corpos.

Sim, temos outros corpos!

E, se você ainda não sabe disto, está sendo uma bateria ambulante de outros seres.

O pior desta história macabra é que estes outros seres estão ao seu lado visivelmente, pode ser as pessoas da sua casa, família, namorada, trabalho e, também, pode ser um simples vídeo na internet.

Deixa eu te explicar, rapidamente, como funciona:

Assim como uma pilha ou uma bateria, existe uma corrente em nós que está sempre ligada, emitindo e recebendo a energia.

Ás vezes, precisamos tocar em algo para trocar energia, mas, na maioria das vezes ou simultaneamente ao toque, ocorre esta troca de energia de forma inteligente e constante à distância.

Fala-se muito de obsessores, ou seres de baixa grandeza, assim como os vampiros que sugam energia. Entretanto, ninguém fala do colega de trabalho, sua mãe, companheiro de viagem.

Estes são os piores sugadores de nossa energia. Simplesmente, porque damos este consentimento a eles e nem percebemos, e eles, por falta de conhecimento sobre o mecanismo ou por maldade mesmo, sugam ao máximo o que podem e o que não podem.

E como se proteger?

Existem fórmulas simples e algumas mais complexas.

Como dizem os judeus:

Existe o caminho curto e longo e o longo e curto.

Comece a prestar atenção aos seus pensamentos e momentos de fraqueza e força e, talvez, perceberá, que invés de vitima você que é o vampiro (consciente ou inconsciente)

Se precisar saber mais sobre este e outros temas, conte comigo em atendimentos individuais, cursos e workshops.

ByNelsom Cavalcante

Sou conhecido por Nelsom Cavalcante e nesta missão chamam-me por Neo. O porquê destes nomes te contarei pessoalmente, pois são histórias intimas e familiares, e pode ter certeza, contarei muitas de minhas experiências para você.. Minha jornada começa quando ainda criança, percebi que me apeteciam temas diferentes dos normalmente discutidos e interessantes para as crenças de minha família, de meus amigos, de minha idade, da crença do grupo ao qual eu pertencia, Se você tem este diferencial de olhar além, sente-se, também, um excluído de seu sistema. Em geral, os membros do sistema são preguiçosos e estão estagnados quando não estimulados pelas ovelhas desgarradas. Ouça este áudio para compreender melhor sobre o que estou falando, aproveite para se inscrever e divulgar o canal nosso material: https://youtu.be/5sxNRF7ypA0 Falaremos mais sobre sistemas e pertencimento em diversas outras oportunidades. Este tema é essencial para compreensão de minha trajetária e de seu posicionamento sistêmico, para assim, abrir-se a possibilidade de mudança para o equilíbrio em todos os campos de sua vida através da sintonia e harmonia com sua missão. Ao perceber algo que a maioria não vê, surgem duas questões importantes: • ou, somos tratados como loucos ou como muito inteligentes, • ou, ainda, inteligentes que ficaram loucos quando as informações começaram a incomodar seu grupo. Quer entrar em contato comigo e saber mais sobre mim? Utilize o formulário na página de contatos ou o Telegram

Deixe um comentário